sexta-feira , junho 25 2021

Coleta Seletiva Solidária contribui para o descarte correto de resíduos

Ainda falta conscientização da população na separação de materiais recicláveis

Durante o mês de abril, a Coleta Seletiva Solidária de Cruz Alta, recolheu 23.520,40 Kg de materiais recicláveis. Neste período, houve a coleta em 102 empresas parceiras. Ligada ao Projeto “Profissão Catador”, a Coleta Seletiva funciona no município, através de um termo de fomento provisório, pactuado entre a Prefeitura Municipal e a Fundação Universidade de Cruz Alta. Conforme o gestor responsável pelo termo, Coordenador de Meio Ambiente, Carlos Eduardo Gutierrez, por meio desta ação, são coletados resíduos recicláveis em 44 bairros da cidade, e todo material recolhido é destinado para quatro associações de catadores da cidade: Funcionários, Acelino Flores, Jardim Primavera II e Planalto.

Carlos explica que, o cronograma semanal é feito por três caminhões que prestam serviços através do termo de fomento, sendo que dois deles efetuam a coleta nos bairros de porta em porta, e um faz o recolhimento junto às empresas parceiras. Além disso, um caminhão da empresa Ansus, é responsável por fazer a coleta apenas na área central da cidade. Nos bairros, de acordo com Carlos, a grande novidade é que, agora, a população pode também entregar vidros aos coletores.

PLANEJAMENTO

A sistemática, conforme o Coordenador, está embasada a partir de um planejamento, com dias e turnos definidos de recolhimento, facilitando a disponibilização pela população que, pode deixar o material em determinado período, em frente de suas casas. O projeto, atualmente, atende aproximadamente 36.864 habitantes representando cerca de 65% da população do município. “É uma grande ação de economia solidária, que une a necessidade dos catadores com a experiência e participação da população”.

Os coletores fazem a busca na rota e depois dividem o material recolhido entre as associações do município. O projeto é o primeiro e o mais importante passo para fazer com que vários tipos de resíduos sigam seu caminho para reciclagem ou destinação final ambientalmente correta, pois o resíduo separado corretamente deixa de ser lixo. “Nós queremos estimular cada vez mais a comunidade sobre a importância do descarte responsável e consciente destes resíduos”.

Dentre os materiais que podem ser entregue aos coletores, estão: latinhas e garrafas pets de todas as cores; panelas e fôrmas; caixinhas em geral de leite, creme de leite, leite condensado e de ovos; embalagens de alimentos e de produtos de limpeza; papel, jornais, papelão e revistas.

 

CRONOGRAMA

Confira os dias da semana em que é realizada a Coleta Seletiva em cada bairro:

Segunda-Feira:

Manhã – Independência e Jardim Petrópolis;

Tarde – Brum 1 e 2, Petrópolis, Conceição e Bonini 1;

Terça-feira:

Manhã – Garibaldi, Brenner, Jung, Bonini 2, e Jardim América;

Tarde – Santo Antônio, Santa Rita, Alvorada, Perpétuo Socorro, Dirceu, e Braz Caino;

Quarta-feira:

Manhã- Toríbio I e II, Santo Antão, Azambuja, e Boa Parada;

Tarde- São José, Rancho I, Amizade e Malheiros;

Quinta-feira:

Manhã – Santa Terezinha I, Melvin Jones, Aliança, Prefeito Vila Nova, Hilda, São Francisco, Marcelo e Gobbo;

Tarde – Militar, São João, Penha, Shettert, Malheiros, São José e Centro;

Sexta-feira:

Rocha, Emílio Droppa, Ludke, São Genaro e São Miguel.

 

Fonte: Prefeitura Municipal de Cruz Alta

Verifique também

AgroFácil Conecta simplifica o acesso ao crédito para o agronegócio no Banrisul

O Banrisul lançou uma nova plataforma que irá estimular a expansão do agronegócio na instituição: …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *